Advogados pedem impeachment de Toffoli à OAB: “Conduta arbitrária e possivelmente criminosa”

Amanda Nunes Brückner | 18/11/2019 | 5:09 PM | BRASIL
Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

Através dos advogados Rodrigo Salgado Martins e Pierre Lourenço, o INAD (Instituto Nacional de Advocacia) apresentou um ofício à OAB denunciando Dias Toffoli por “conduta arbitrária e possivelmente criminosa” no caso do pedido de acesso a relatórios sigilosos do Coaf e da Receita Federal. (informações de transações bancárias/financeiras de mais de 600 mil pessoas e
empresas).

Os causídicos esperam que o Conselho Federal da OAB “delibere a propositura de ação judicial em defesa da sociedade, objetivando a destruição imediata dos dados obtidos pelo STF” e proponha processo de impeachment do presidente do Supremo junto ao Senado Federal.

O documento ainda cita que Toffoli não tem ordenamento jurídico para quebrar o
sigilo bancário/financeiro de forma coletiva:

“A referida decisão foi tomada sem qualquer respaldo legal, pois não existe
no ordenamento jurídico brasileiro dispositivo que permita ao ministro do STF quebrar o
sigilo bancário/financeiro de forma coletiva, de pessoas indeterminadas e sem qualquer
critério, para visualização e análise de magistrados e sua equipe de assessores.”

Abaixo o documento completo (via Antagonista) :


[pdf-embedder url=”https://www.diariodobrasil.org/wp-content/uploads/2019/11/OAB1811.pdf”]

compartilhe esse post:
Follow by Email
Facebook
Google+
Twitter
Instagram
Whatsapp
Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.