“Amanhã, novamente, o STF trará mais instabilidade à Nação”

Amanda Nunes Brückner | 19/11/2019 | 3:53 PM | BRASIL
Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.


Em mais um texto divulgado nas redes sociais, o jurista Modesto Carvalhosa foi impecável em suas colocações

Como faz todas as semanas, nesta quarta-feira, dia 20, o STF novamente trará mais instabilidade às instituições democráticas, cumprindo mais uma etapa na sua inexorável trajetória de destruir todos os mecanismos de combate à corrupção.

Não bastassem as “medidas” que já tomou contra a Operação Lava Jato, para eliminá-la do mapa, o Pretório Excelso agora vai “decidir” que todas e quaisquer investigações de lavagem de dinheiro precisam ter prévia autorização judicial.

Sustentam os garantistas da impunidade que os corruptos, traficantes de armas, de drogas e também as organizações criminosas gozam de sigilo em suas movimentações financeiras.

Por isso, os computadores de 4.ª geração que detectam e lêem os crimes financeiros no BC, na Receita Federal e no antigo COAF, não podem automaticamente transmitir aqueles dados à Polícia Federal e ao Ministério Público e nem remetê-los às agências de combate ao crime dos outros países envolvidos.

Em nenhuma nação do mundo civilizado existe esse requisito de autorização prévia do Judiciário para o início de investigações de lavagem de dinheiro pela polícia e pelos promotores de justiça.

A lavagem de dinheiro é um delito multinacional, em que todas as agências de combate ao crime dos diversos países estão entrelaçadas, direta e automaticamente.

Por essas e demais “decisões” semanais da nossa Suprema Corte a favor do crime é que o Brasil já foi severamente advertido pela OCDE, devendo sofrer graves sanções internacionais.

O povo brasileiro não aceita mais essa afronta aos seus sentimentos patrióticos, à sua honra e à sua segurança.

 


 

compartilhe esse post:
Follow by Email
Facebook
Google+
Twitter
Instagram
Whatsapp
Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.