Antes de morrer, homem de 39 anos escreveu: “Eu deveria ter tomado a droga da vacina”

02/08/2021

Após passar alguns dias na praia, Michael Freedy (um norte-americano de 39 anos) procurou um pronto-socorro para tratar de uma suposta queimadura de sol e acabou descobrindo que estava contaminado com o novo coronavírus.

Michael recebeu o diagnóstico e decidiu tratar da doença em casa, porém o quadro de saúde dele evoluiu rapidamente.

Passado alguns dias, Michael foi hospitalizado com pneumonia em ambos os pulmões.

“Na última terça-feira de madrugada, por volta das 3/4 hs, ele me acordou em pânico dizendo que havia algo errado e que não conseguia respirar”, relatou Jessica DuPreez, noiva de Michael.

Dois dias depois de ser internado, ele faleceu na UTI.

Jessica explica que o casal não tinha se vacinado:

“Queríamos esperar um ano para ver os efeitos que as pessoas teriam, mas nunca fomos negacionistas em relação às vacinas”

Uma das últimas mensagens de texto que Freedy enviou para a noiva dizia o seguinte:

“Eu deveria ter tomado a droga da vacina”.

Emocionada, Jessica contou que queria viver mais 30 anos ao lado de Michael:

“Sua presença sempre foi tão positiva e grandiosa”, disse ela ao USA TODAY. “Ele era simplesmente incrível”


 

0 0 votes
Article Rating

Deixe um comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments