Anúncio do governo para ‘zerar’ imposto dos combustíveis é tapeação

Guilherme Santiago | 23/05/2018 | 11:03 AM | GOVERNO
Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

Os “verdadeiros vilões” do setor de combustíveis são os impostos

Na tarde de ontem, os presidentes da Câmara e do Senado anunciaram um acordo com o governo Federal para ‘zerar’ os tributos dos combustíveis.

Rodrigo Maia publicou o seguinte texto em seu twitter:

“Eu e o presidente do Senado combinamos com o Governo Federal: os recursos da reoneração serão todos utilizados para reduzir o impacto do aumento do diesel. E também acertamos com o ministro da Fazenda que a CIDE será zerada com o mesmo objetivo: reduzir o preço dos combustíveis.”

Trata-se de um engodo, uma utopia.

A CIDE (Contribuição de Intervenção no Domínio Econômico) é o menor dos tributos que incide sobre os combustíveis e o consumidor final não sentirá (no bolso) a diferença.

Os verdadeiros vilões dos preços dos combustíveis são outros: ICMS e PIS/COFINS conforme o gráfico abaixo.

Somados, eles representam de 45% a 48% sobre o preço final da gasolina e do diesel […] no caso do etanol, o percentual  fica entre 35% a 40%.



 

compartilhe esse post:
Follow by Email
Facebook
Google+
Twitter
Instagram
Whatsapp
Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.