Aos gritos de ‘Lula livre’, mulher vandaliza urna eletrônica

07/10/2018

Mais uma denúncia feita pelo portal Massa News, do grupo Massa de Comunicação.

Uma mulher foi presa após danificar uma urna eletrônica com sangue.

O caso aconteceu no Colégio Maria Inês Rodrigues, em Ibiporã, município da Região Metropolitana de Londrina, estado do Paraná.

Testemunhas disseram que a eleitora estava descontrolada e jogou a urna no chão aos gritos de “Lula Livre” e outras palavras de ordem.

Ela também sujou o equipamento eleitoral usando sangue de um absorvente.

A PM foi acionada … a cidadã foi detida em flagrante, encaminhada para a delegacia e deverá responder por crime eleitoral.

Após o incidente, a urna foi substituída e a votação seguiu normalmente.

Segundo a Polícia Civil, a eleitora tem 25 anos e já foi candidata a vereadora em Ibiporã.