Apareceu mais um sócio do presidente da Petrobras que se beneficiou com contrato milionário

Amanda Nunes Brückner | 28/05/2018 | 6:42 PM | BRASIL
Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

No último dia 26, publicamos uma denúncia da Revista Crusoé, onde o presidente da Petrobras adiantou um pagamento bilionário para um banqueiro ‘amigo’ e sócio.

De acordo com informações do jornalista Felipe Coutinho, enquanto Pedro Parente (presidente da estatal) esfolava a população com os constantes e abusivos aumentos dos combustíveis, paralelamente ele fazia pagamentos antecipados (de cerca de R$ 2 bilhões) para o banco JP Morgan.

Mais uma denúncia

A Crusoé descobriu um segundo ‘parceiro’ de Pedro Parente que se beneficiou com um contrato milionário (sem licitação) com a Petrobras.

Cinco meses depois de firmar esse contrato, o empresário Odilon Nogueira Junior também veio a se tornar sócio de Parente, assim como aconteceu com o banqueiro José Berenguer, outro sócio do presidente da estatal.

O empresário é dono da Dana Tecnologia e, de acordo com a Crusoé, a empresa assinou um contrato de R$ 11,4 milhões com a Petrobras.

Abaixo o quadro de sócios e administradores da Kenaz Participações, que tem como parceiros a Viedma Participações (de propriedade de Pedro Parente e sua esposa) e Odilon N. Junior, citado acima.



 

compartilhe esse post:
Follow by Email
Facebook
Google+
Twitter
Instagram
Whatsapp
Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.