Após prisão de deputado, STF manda reforçar segurança da Corte

Amanda Nunes Brückner | 17/02/2021 | 12:35 PM |

,

Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

O STF informou ter reforçado,na manhã de hoje (17), a segurança da Corte após a prisão do deputado federal Daniel Silveira (PSL-RJ).

Daniel foi preso na noite da última terça-feira (16/2), por decisão do ministro do STF Alexandre de Moraes.

“A equipe de segurança do Supremo Tribunal Federal monitora as movimentações no entorno do prédio, como de costume, e houve reforço de efetivo nesta quarta-feira (17)”, informou a assessoria da Suprema Corte, em nota.

A ação aconteceu após Silveira atacar os ministros do STF, com especial destaque a Edson Fachin, que subiu o tom contra declaração de 2018 feita pelo ex-comandante do Exército Eduardo Villas Bôas.

Thainara Prado, advogada que defende o deputado federal Daniel Silveira (PSL-RJ), disse, nesta manhã, em nota, que a prisão do congressista tem “evidente teor político”.

“Não houve qualquer hipótese legal que justificasse o suposto estado de flagrância dos crimes teoricamente praticados por Daniel Silveira, tampouco há que se cogitar de pretensa inafiançabilidade desses delitos”, escreveu.

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.

  • MAIS LIDAS

  • publicidade