Campanha de Haddad divulga mais um vídeo ‘sujo’ contra Bolsonaro

24/10/2018

Essa é a segunda propaganda embusteira veiculada pela campanha do PT

Na primeira, os marqueteiros de Haddad colocaram uma criança atirando no próprio pai (abaixo).

Desta vez, a campanha do petista mostra duas pessoas armadas se enfrentando por causa de uma briga no trânsito.

É uma deturpação total do programa do PSL.

Vale ressaltar que, no projeto de Bolsonaro, os brasileiros (que se adequarem às exigências da lei) terão direito à posse de arma.

O que isso significa?

Significa que, aqueles que foram ‘aprovados’ pela PF, poderão comprar uma arma para proteger sua casa, sua propriedade rural ou seu local de trabalho apenas para se defender […] a arma não poderá ser transportada para fora desses ambientes citados.

Em nenhum momento, Bolsonaro defendeu o ‘porte’ de arma … que é restrito apenas para militares, forças de segurança, policiais, agentes federais, etc …

Deu pra entender a diferença?

Você poderá ter uma arma dentro de sua casa, mas continuará sendo proibido de transportá-la e estará sujeito às penalidades previstas em lei.

Propaganda ‘suja’ do PT mostra criança atirando no pai

A campanha do petista decidiu apelar para a ignorância e, pasmem, colocou uma criança atirando no próprio pai.

Haddad ainda fez questão de divulgar a façanha em suas redes sociais.

No vídeo divulgado, a criança encontra uma arma guardada em casa, chama pelo pai, sorri e depois atira nele.

A ‘obra-prima’ do PT termina com a frase “é melhor Jair se acostumando?”

É muita sujeira! Cadê o TSE?

Coloque a mão na consciência Haddad […] exponha seu ponto de vista, mas não use crianças para isso.