Caso COAF: O mínimo que se espera da família Bolsonaro é decência

Amanda Nunes Brückner | 08/12/2018 | 4:07 PM | BRASIL
Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

(Patrícia Carvalho para o Diário do Brasil)

O caso

Oito servidores da Alerj (Assembleia Legislativa do Estado do RJ) que passaram pelo gabinete do deputado estadual Flávio Bolsonaro (PSL-RJ) realizaram transferências bancárias para uma conta mantida pelo ex-policial militar Fabrício José Carlos de Queiroz.

Queiroz atuou como motorista e segurança de Flávio Bolsonaro na Alerj.

De acordo com relatório do COAF (Conselho de Controle de Atividades Financeiras), o ex-policial (que tem uma renda anual de R$ 276 mil – somados salário da Alerj + aposentadoria da PM), movimentou cerca de R$ 1.236.838 entre 1º de janeiro de 2016 e 31 de janeiro de 2017, o que foi considerado suspeito pelo conselho.

O Coaf também apontou um depósito de R$ 24 mil para futura primeira-dama, feito por ex-assessor de Flávio Bolsonaro.

Jair Bolsonaro afirmou, segundo o site “O Antagonista”, que ele e Queiroz eram amigos e que emprestou dinheiro para o ex-policial porque ele estava com problemas financeiros [..] o tal depósito feito na conta da futura primeira dama seria relativo ao pagamento de parte dessa dívida.

O que se espera da família Bolsonaro

Em primeiro lugar, Bolsonaro e sua esposa Michele deveriam vir a público, mostrar os extratos de suas respectivas contas bancárias e explicar o motivo do tal depósito.

O povo brasileiro (seja eleitor de Bolsonaro ou não) quer e merece uma explicação razoável no menor tempo possível.

Flávio Bolsonaro, o filho do presidente, deveria fazer o mesmo e abrir o jogo de vez, já que o gabinete dele é o foco principal da denúncia.

Não dá mais pra colocar ‘panos quentes’ em situações como essa … nós brasileiros estamos de saco cheio de falcatruas.

Quem estiver ‘devendo’ que pague ‘a conta’ … seja o presidente, a primeira dama, o filho do presidente ou até o Papa.

E vou ainda mais longe … caso Flávio Bolsonaro tenha ‘culpa no cartório’, o mínimo que se espera dele seria uma renúncia ao cargo (senador) pelo qual ele foi eleito.


 

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.