CEO da Moderna: “Quem não se vacinar, vai se imunizar naturalmente”

27/09/2021

Albert Bourla, chefe executivo da Pfizer, disse ontem (26) que acredita que a vida poderá voltar ao ‘normal’ no próximo ano, embora novas variantes da COVID-19 devam continuar a surgir em todo o mundo.

“Concordo que dentro de um ano acho que seremos capazes de voltar à vida normal. Não acho que isso signifique que as variantes não continuem chegando, e não acho que isso signifique que devamos ser capazes de viver nossas vidas sem vacinação.”, disse Bourla durante uma aparição no ABC News ‘This Week’.

Os comentários de Albert Bourla seguem a mesma narrativa de Stéphane Bancel, CEO da Moderna, que previu que a pandemia acabaria em meados de 2022.

“Se você olhar para a expansão da capacidade de produção em toda a indústria nos últimos seis meses, doses suficientes devem estar disponíveis até meados do próximo ano para que todos na Terra possam ser vacinados”, declarou Bancel ao jornal suíço Neue Zürcher Zeitung, publicado na última quinta-feira (23) .

Bancel ainda ‘deixou escapar’ que as pessoas que não forem vacinadas se “imunizarão naturalmente” porque a variante Delta é altamente transmissível:

Those who do not get vaccinated will immunize themselves naturally, because the Delta variant is so contagious. In this way we will end up in a situation similar to that of the flu. You can either get vaccinated and have a good winter. Or you don’t do it and risk getting sick and possibly even ending up in hospital.” (Reuters)

Quem não se vacinar, vai se imunizar naturalmente, porque a variante Delta é muito contagiosa. Dessa forma, vamos acabar em uma situação parecida com a da gripe. Você pode se vacinar e ter um bom inverno. Ou, se você não fizer isso, correrá o risco de ficar doente e possivelmente até acabar no hospital. “

 

5 1 vote
Article Rating

Deixe um comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments