Com a boca na botija: Jornalista expõe esquema milionário de rachadinha

29/10/2021

As seis funcionárias foram entrevistadas pela revista e confirmaram os fatos

De acordo com denúncia, David Alcolumbre teria feito um esquema em que parte do salário de seis assessoras (de seu gabinete) retornavam para ele.

“Elas abriam conta no banco, entregavam o cartão e recebiam apenas parte do dinheiro” publicou a reportagem.

O esquema teria começado em 2016 e terminado em março deste ano:

“Marina, Lilian, Erica, Larissa, Jessyca e Adriana são moradoras da periferia do Distrito Federal, pobres, desempregadas e personagens de uma ignóbil trapaça. As seis foram contratadas como assessoras do senador Davi Alcolumbre (DEM-AP) em Brasília, mas nunca trabalharam … tinham vencimentos que variavam de 4 000 a 14 000 reais por mês, mas não recebiam esse dinheiro de forma integral.” denunciou a Veja.

A matéria ainda destaca que, durante muito tempo, Alcolumbre empregou em seu gabinete mulheres que tinham a única função de servir como instrumento para desvio de recursos públicos:

“Elas eram admitidas, abriam uma conta no banco, entregavam o cartão e a senha a uma pessoa da confiança de Alcolumbre e, em troca, ganhavam uma pequena gratificação.”

O valor total da fraude é estimado em pelo menos 2 milhões de reais.


(A matéria é do jornalista Hugo Marques)

Resposta do senador

Davi Alcolumbre (DEM-AP) disse que sofre uma “campanha difamatória sem precedentes”.

Em nota divulgada à imprensa, ele se defende das acusações:

“Venho sofrendo uma campanha difamatória sem precedentes. Há algumas semanas soltei nota à imprensa informando que não aceitaria ser ameaçado, intimidado e tampouco chantageado. Pois bem, além de repetir firmemente o mesmo posicionamento, acrescento que tenho recebido todo tipo de aviso, enviado por pessoas desconhecidas, que dizem ter informações sobre uma orquestração de denúncias mentirosas contra mim.”

 

0 0 votes
Article Rating

Deixe um comentário

2 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
View all comments
Francisco Vianna

Infelizmente, este é um tipo de FRAUDE comum entre os representantes da VELHA POLÍTICA, que os brasileiros tanto querem ver relegada ao lixo da história. De tão generalizada, a maioria dos que a praticam de há muito consideram-na como uma “prática corriqueira” e praticamente aceita por todos. Não acredito que o seja pelo Presidente Jair Bolsonaro, mesmo que seus filhos já tenham sido denunciados por adotá-la. Se o PR falhar na erradicação dessa sujeira, só nos restará ressuscitar Hércules, filho de Zeus, para uma tarefa bem mais difícil e laboriosa do que limpar as cavalariças do Rei Álgias, ou seja, limpar as estrebarias dos podres poderes da república federativa (e como fede) do Brasil.

Ailton Cardoso

SE A DENÚNCIA FOR CONSIDERADA MENTIROSA, UMA “Fake News”, AS DENUNCIANTES SERIAM IMEDIATAMENTE PRESAS ….
E SE A DENÚNCIA FOR CONSIDERADA VERDADEIRA, ACONTECE O QUE COM O SENADOR ??