Desprezo pela vida: “China inunda a Europa com equipamentos médicos defeituosos”

Guilherme Santiago | 09/04/2020 | 1:54 PM | INTERNACIONAL
Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

Na Espanha, o Ministério da Saúde revelou que 640 mil testes de coronavírus comprados de um fornecedor chinês estavam com defeito.

Além disso, mais um milhão de testes de coronavírus entregues à Espanha no dia 30 de março por outro fabricante chinês também estavam com defeito.

Em 23 de março, o site de notícias tcheco iRozhlas publicou que 300 mil kits de testes de coronavírus entregues pela China tinham um índice de erro de 80%.

O Ministério do Interior da República Tcheca desembolsou US$2,1 milhões pelos kits.

“A realidade nua e crua é que a China parece menosprezar as regras convencionais de comportamento em todas as esferas da vida, da saúde ao comércio e da manipulação da moeda à repressão interna.”

“Por demasiado tempo os países se prostraram desastradamente à China na desesperada esperança de obter acordos comerciais. Depois que nos livrarmos dessa terrível pandemia, é imperativo que todos nós repensemos esse relacionamento e o coloquemos numa base muito mais equilibrada e honesta.” — Iain Duncan Smith, ex-líder do Partido Conservador do Reino Unido.


 

compartilhe esse post:
Follow by Email
Facebook
Google+
Twitter
Instagram
Whatsapp
Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.