Ele exagerou? Jefferson detona ministros do STF e “pode ser enquadrado na Lei de Segurança Nacional”

25/12/2020

Ex-deputado jogou gasolina na fogueira …

O presidente nacional do Partido Trabalhista Brasileiro (PTB), Roberto Jefferson, voltou a atacar ministros do Supremo Tribunal Federal (STF).

Para o ex-deputado, investigado pela própria corte por organizar e atuar em atos contra o sistema democrático, os ministros do STF são “lobistas” e “malandros” que devem ser julgados “na bala” caso defendam o que definiu como “ideologia de gênero”.

As declarações foram dadas em entrevista ao canal do jornalista Rodrigo Constantino no YouTube, na última quarta-feira (23).

Desabafo perigoso

(Congresso em Foco) A fala, aponta a mestre em direito penal e advogada criminalista Luiza Oliver, pode ser enquadrada no artigo 18 da Lei de Segurança Nacional, que considera crime “tentar impedir, com emprego de violência ou grave ameaça, o livre exercício de qualquer dos poderes da União ou dos Estados”.

“Independentemente disso, a fala pode configurar um crime de ameaça no Código Penal tradicional, assim como crimes como a honra aos ministros”, ponderou a advogada. “Todo mundo está sujeito a crítica, mas há limite da crítica e da ofensa. Passa-se um pouco do limite da crítica para ofender ao chamar os ministros de ‘malandros’, e isso não é crítica, mas sim ofensa à honra alheia.”

Confira no vídeo abaixo:

*** editado ***

*** entrevista completa link ***

 

0 0 votes
Article Rating

Deixe um comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments