Erro humano de produção inviabiliza 15 milhões de doses da vacina Johnson & Johnson

Edson Jorge Silveira | 01/04/2021 | 6:30 AM | INTERNACIONAL
Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

Bastou “um erro humano” para inviabilizar 15 milhões de doses da vacina da Johnson & Johnson, relatou o The New York Times.

Devido a uma falha na mistura de ingredientes atribuída aos funcionários da fábrica de Baltimore, nos EUA, a Johnson & Johnson foi forçada a suspender a produção da sua vacina unidose e atrasará futuras entregas.

A fábrica utilizada pela empresa é da Emergent BioSolutions, que também trabalha com a AstraZeneca.

Contudo, as doses para as vacinas desta última farmacêutica não foram afetadas.

A Emergent BioSolutions só vai voltar a fabricar as doses da vacina da Johnson & Johnson quando a Food and Drug Administration — ou FDA, a agência federal dos EUA que regula este setor — concluir a investigação do ocorrido.

Devido a este problema, a Johnson & Johnson vai passar a controlar de forma mais exigente o trabalho feito pela Emergent BioSolutions para evitar problemas de qualidade.

A Johnson & Johnson é responsável pela vacina de dose única.

O erro, noticiou o mesmo jornal, aconteceu “há algumas semanas”.

Em abril, a Johnson & Johnson esperava enviar dezenas de milhões de doses da sua vacina a partir desta fábrica de Baltimore.

Com a investigação a decorrer, ainda não se sabe o que acontecerá com as doses que não foram afetadas por este erro.

Uma fonte do The New York Times afirma que, por causa desta falha, a legitimidade dessas doses poderá ser questionada, podendo levar ao cancelamento das entregas.

 

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.