Escritório de advocacia famoso contratou show de stand-up com dinheiro fraudado da Lei Rouanet

Amanda Nunes Brückner | 29/06/2016 | 1:48 AM | BRASIL
Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

Mais uma fraude foi descoberta pela Polícia Federal na Operação Boca Livre

Um dos mais prestigiados escritórios de advocacia do país [o Demarest Almeida] fez uma festinha de aniversário para comemorar 68 anos e contratou um show do humorista Fábio Porchat para animar a comemoração.

A investigação da PF apontou que houve uso indevido de financiamento da Lei Rouanet.

A Receita Federal [através de auditoria] comprovou que o escritório deduziu do Imposto de Renda a quantia gasta no projeto.

O ‘showzinho’ de comédia pago com dinheiro público custou R$ 200 mil.

A PF esteve hoje na sede do Demarest em São Paulo para cumprir mandado de busca e apreensão.

Importante: O humorista Porchat não é investigado e não há qualquer indício de que ele soubesse da origem do dinheiro.

compartilhe esse post:
Follow by Email
Facebook
Google+
Twitter
Instagram
Whatsapp
Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.