EUA negam vistos de emergência para filhos de Greenwald

Amanda Nunes Brückner | 29/07/2019 | 6:50 AM | BRASIL
Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

Glenn Greenwald, fundador do site The IntercePT Brasil, não conseguiu o visto emergencial para seus filhos.

De acordo com informação da jornalista Mônica Bérgamo (Folha ‘petista’ de SP), o Consulado dos Estados Unidos exigiu que Glenn apresentasse mais informações adicionais para (quem sabe) conseguir o visto no futuro.

David Miranda, deputado e marido de Glenn, requisitou o visto no último dia 22.

Após a negativa, o ativista de extrema-esquerda alegou o seguinte:

“O que o governo dos EUA está fazendo, em óbvia colaboração com o governo brasileiro, é impedir que nossos filhos encontrem pela primeira vez sua avó morrendo rapidamente”.

É óbvio que não houve ‘participação do governo brasileiro’ coisa nenhuma.

O Consulado dos EUA, mesmo estando em território brasileiro, é subordinado ao governo norte-americano e Bolsonaro (ou quem quer que seja) não tem influência alguma sobre a emissão de vistos.


compartilhe esse post:
Follow by Email
Facebook
Google+
Twitter
Instagram
Whatsapp
Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.