Ex-presidente do PT faz propaganda política durante depoimento e Moro reage: “Aqui não!”

Amanda Nunes Brückner | 18/06/2018 | 2:29 PM | BRASIL
Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

Rui Falcão, ex-presidente do PT, disse ao juiz Sérgio Moro que o objetivo das ações judiciais contra Lula é impedir que ele seja candidato à presidência da República, nas eleições deste ano.

É o mesmo mi-mi-mi de todos os outros políticos corruptos.

Lula está preso porque cometeu crimes contra o país e não porque é candidato.

O advogado de defesa do presidiário, (Cristiano Zanin), perguntou para Rui Falcão (testemunha da defesa) se ele conhecia Lula:

Falcão respondeu:

“ … estou muito preocupado com o processo de perseguição que vem sendo movido contra ele. O judiciário e a mídia do grande capital tem o grande objetivo de impedir que ele seja candidato à presidente da República”, afirmou.

Ou seja, a pergunta foi sobre ‘abacaxi’ e a testemunha respondeu ‘tomate’.

Foi o bastante para Moro colocar ordem no recinto:

“Não é propaganda política Sr. Rui, não é o momento de ficar fazendo isso”, respondeu o juiz.

Lula, além de afundar o país, arrumou um advogado que, ao invés de ajudar, vai lhe propiciar mais uns bons anos de cadeia …

a partir do minuto 2:00



compartilhe esse post:
Follow by Email
Facebook
Google+
Twitter
Instagram
Whatsapp
Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.