Fogo amigo: Presidente da Argentina não quis a presença de Lula durante posse

16/12/2019

No último dia 11, Alberto Fernández (presidente eleito na Argentina), tomou posse do cargo.

O Brasil foi representado pelo general Hamilton Martins Mourão, que fez questão de repassar um recado de Bolsonaro a Fernández:

“A gente brigando, a gente vai perder, mas a Argentina perde muito mais … não quero perder não, não quero perder …”

Bolsonaro deixou claro que a posição ideológica do presidente argentino (que é esquerdista) não irá interferir nas relações comerciais e diplomáticas entre os dois países.

O destaque ficou por conta de Lula, que foi praticamente rejeitado pela equipe cerimonial de Fernández.

Em recado enviado aos petistas no Brasil, assessores da Casa Rosada, sede do governo federal, pediram para que Lula não participasse da posse do presidente recém eleito.

Ninguém quer posar para fotos ao lado de um lavador de dinheiro”