Glenn sabia da Operação Spoofing? O pavão responde

Amanda Nunes Brückner | 27/07/2019 | 11:18 AM | BRASIL
Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

Glenn Verdevaldo e David Miranda foram estiveram no Consulado Geral dos EUA no Rio de Janeiro no último dia 18 para tentar obter vistos de emergência para os filhos adotivos brasileiros.

O próprio ativista de extrema esquerda confirmou em seu Twitter que tentou obter vistos de emergência para os filhos alegando que desejava levá-los à mãe dele que “estaria morrendo de câncer” e “gostaria de conhecer os novos netos”.

Numa segunda mensagem, Verdevaldo diz que seus “filhos precisam de visto para entrar nos EUA e visitar sua (sic) avó porque seus passaporte (sic) de EUA não está pronto”.

No dia 15 de junho, três dias antes de ir ao Consulado americano, Glenn já sabia que a PF faria uma mega operação contra o hacker e chegou a publicar um editorial em seu site (imagem abaixo) dizendo o seguinte:

“diversas fontes disseram ao Intercept ao longo dos últimos dias que a Polícia Federal está considerando realizar essa semana uma operação que teria como alvo um suposto ‘hacker’, que hipoteticamente seria a fonte do arquivo”.


Quem poderia ter alertado Glenn sobre uma eventual operação sigilosa da PF?

Você se lembra daquela perfil ‘pavão misterioso’ ?

Pois bem, uma das mensagens que o tal ‘pavão’ postou no twitter (e depois apagou) pode ser a chave para a pergunta acima. (imagem abaixo)

Destacando que a PF ainda não investigou nem tão pouco confirmou a autenticidade das mensagens do pavão misterioso … mas dica é dica.


 

compartilhe esse post:
Follow by Email
Facebook
Google+
Twitter
Instagram
Whatsapp
Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.