Imprensa militante tenta jogar PGR contra Bolsonaro e leva um ‘tapa na fuça’

Amanda Nunes Brückner | 16/03/2020 | 10:14 PM | BRASIL
Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

Em conluio com a esquerda (e com parte do centrão), a mídia podre brasileira tenta a todo custo cavar um impeachment contra Bolsonaro e para isso estão pressionando o Procurador Geral da República, Augusto Aras.

Durante todo o dia de hoje, jornalistas militantes cobraram um posicionamento do chefe da PGR em relação a algumas falas e atos do presidente Bolsonaro com relação ao coronavírus.

A jornalista Vera Magalhães, por exemplo, chegou a dizer que Bolsonaro é um acovardado.

Pois bem … Aras emitiu uma nota que é um verdadeiro ‘tapa na fuça’ dessa militância travestida de jornalismo.

Leia a íntegra da nota:

1- Todas as representações protocoladas na Procuradoria-Geral da República são devidamente analisadas na própria PGR ou encaminhadas às unidades competentes para eventuais processamento, nos termos da legislação vigente;

2- O Ministério Público Federal (MPF) não é um poder político. É um órgão autônomo e independente, que atua de forma técnica, em respeito à Constituição Federal e às leis, defendendo a estabilidade das instituições de Estado, fundamentais para a segurança e a economia do país;

3- O procurador-geral da República não adianta posicionamento e não faz juízo de valor em ambientes de opinião pública em que, muitas vezes, o que é externado, não corresponde à real manifestação dos envolvidos.


 

compartilhe esse post:
Follow by Email
Facebook
Google+
Twitter
Instagram
Whatsapp
Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.