Inteligência dos EUA: “A China está se preparando para um período de confronto com os EUA. Temos que estar prontos”

04/12/2020

John Ratcliffe, a mais alta autoridade dos serviços de inteligência do governo Trump, emitiu um alerta grave na noite de ontem (3), declarando que a China está se preparando para “um período aberto de confronto com os EUA”.

O documento pede uma ação para enfrentar “a maior ameaça aos Estados Unidos hoje” e à “democracia em todo o mundo desde a Segunda Guerra Mundial”.

Ratcliffe também apontou, em um novo artigo de opinião publicado no Wall Street Journal, que a China fez uma campanha de influência de grande alcance nesse ano, tentando atingir várias dezenas de membros do Congresso e assessores parlamentares.

Ele ressaltou que, além dele próprio, outros altos funcionários da segurança nacional do governo Trump estão tentando demonstrar publicamente suas preocupações com a China em seus últimos dias de trabalho.

“Esta geração será julgada por sua resposta ao esforço da China para remodelar o mundo à sua própria imagem e substituir os Estados Unidos como a superpotência dominante. Os serviços de inteligência são claros a esse respeito. Nossa resposta também deve ser”, escreveu Ratcliffe.

“O governo chinês está se preparando para um período aberto de confronto com os EUA. O governo norte-americano também deve estar pronto. Os líderes devem trabalhar através das divisões partidárias para entender a ameaça, falar sobre isso abertamente e tomar medidas para enfrentá-la”, acrescentou.

 

0 0 votes
Article Rating

Deixe um comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments