Mesmo com vacinação, Israel tem aumento no número de infecções

Edson Jorge Silveira | 19/01/2021 | 10:13 PM | INTERNACIONAL
Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

(The Guardian)

Israel alertou que uma única dose da vacina Pfizer / BioNTech pode estar fornecendo menos proteção do que o inicialmente esperado, já que o país relatou um recorde de 10.000 novas infecções por Covid na segunda-feira.

Em comentários relatados pela Rádio do Exército, o médico Nachman Ash disse que uma única dose pareceu “menos eficaz do que pensávamos” e também mais baixa do que a Pfizer havia sugerido.

Em contraste, aqueles que receberam a segunda dose da vacina Pfizer tiveram um aumento de 6 a 12 vezes nos anticorpos , segundo dados divulgados pelo Sheba Medical Center Sheba Medical Center em Tel Hashomer na segunda-feira.

O Sheba Medical Center é reconhecido como um dos dez melhores hospitais do mundo pela Newsweek.

A própria Pfizer diz que uma única dose de sua vacina é cerca de 52% eficaz.

Questões sobre a eficácia da vacina foram levantadas em meio a relatos de que milhares de israelenses ainda adoeciam depois de receber a vacina, embora a chefe dos serviços de saúde pública, Sharon Alroy-Preis, disse que na maioria dos casos isso ocorreu porque os indivíduos não desenvolveram anticorpos suficientes após serem inoculados antes de serem expostos ao vírus.

Os últimos números de Israel destacam os enormes desafios que ainda estão sendo enfrentados em todo o mundo, mesmo em países com programas agressivos de vacina contra o coronavírus.

Mais de 2 milhões de israelenses tomaram sua primeira dose da vacina Pfizer, enquanto 400.000 já tomaram a segunda.

Em meio a advertências de que 30% a 40% das novas infecções eram causadas por uma variante da Covid-19 identificada pela primeira vez no Reino Unido, o gabinete israelense se reuniu na terça-feira para considerar o aumento das restrições existentes. Alguns analistas, no entanto, consideram a prevalência da nova variante em níveis mais baixos.

Gráfico

Israel deu início à vacinação em massa no dia 20 de dezembro.

De acordo com a Pfizer/BioNTech, cerca de uma semana após a primeira dose, o organismo já começaria a produzir anticorpos neutralizantes contra o coronavírus e o nível ideal de defesa do corpo seria atingido 28 dias após a primeira dose.

Número de mortes (total)

Número de mortes (diário)

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.