Ministra Rosa Weber desafia a inteligência dos brasileiros

18/05/2019

No seminário do TSE sobre ‘fake news’, a ministra Rosa Weber desafiou a inteligência dos brasileiros e o próprio presidente Jair Bolsonaro ao louvar a urna eletrônica e afirmar que o sistema é seguro e auditável, o que sabemos não é.

O uso da urna eletrônica sem impressora é ILEGAL e INCONSTITUCIONAL, pois afronta diversos dispositivos da lei eleitoral, desobedece cláusulas pétreas da Constituição Federal e passa por cima de direitos inalienáveis do povo brasileiro, em especial o DIREITO DE CONTAR OS VOTOS.

Rosa Weber, atual presidente do TSE, declarou que pretende continuar utilizando as urnas eletrônicas (sem impressoras) nas próximas eleições, em desrespeito à Lei do voto impresso, de autoria do próprio Bolsonaro.

Os Ministros do STF e do TSE querem nos empurrar goela abaixo esta arapuca eletrônica enquanto degustam lagostas e vinhos premiados às nossas custas!

Um escândalo sem tamanho!

Em 2002, promulgou-se a Lei 10.408, no governo de Fernando Henrique Cardoso/PSDB.

No seu artigo, 59 e nele, no parágrafo 4º encontramos:


Art. 59

(…)

§ 4º A urna eletrônica disporá de mecanismo que permitirá a impressão do voto, sua conferência visual e depósito automático, sem contato manual, em local previamente lacrado, após conferência pelo autor.


Por favor, comente no Instagram de Bolsonaro e compartilhe essa mensagem! O Brasil agradece!

https://www.instagram.com/p/Bxmrdw3h7wm/?igshid=7ha0wgexu9p


 

Visualizar esta foto no Instagram.

 

– Seminaristas querem proibir o termo Fake News e usam Folha de SP como fonte. A cada dia o brasileiro tem mais acesso à informação e conhece a verdade sem precisar de alguns órgãos de imprensa famosos pelas Fake News. Defenderei sempre uma internet livre!

Uma publicação compartilhada por Jair M. Bolsonaro (@jairmessiasbolsonaro) em


(texto reproduzido do site republicadecuritibaonline.com)