O arrombador da República: “Ele quer explodir as finanças do Governo Federal”

Patrícia Moraes Carvalho | 19/04/2020 | 12:15 PM | POLÍTICA
Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

No último dia 10, o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), afirmou que tem conversado com economistas e que não há consenso sobre um limite de endividamento interno para o Brasil.

“A única questão é cuidar para que o endividamento interno não inviabilize o futuro do país … agora, quanto a dívida interna pode crescer? 10%, 20% do PIB? Não tem esse limite”, declarou em entrevista à Rádio Bandeirantes.

Em outras palavras: vamos torrar tudo que temos direito e que se dane o futuro da nação!

Segundo Maia, outros países estão fazendo isso porque não bastam medidas de renda mínima para os mais vulneráveis e de garantia de empregos se as empresas não tiverem capital de giro para sobreviver ao período de pandemia da Covid-19. (…blá,blá,blá…)

O ministro da economia, Paulo Guedes, está convencido de que, articulando com governadores como Dória e Witzel, a intenção de Maia é explodir as finanças do Governo Federal e inviabilizar uma recuperação econômica do país.

Guedes chamou esta proposta de “farra eleitoral” disfarçada de combate ao Coronavírus e de “arrombamento geral da República”.

Assim como o presidente Jair Bolsonaro, o ministro acredita que Maia, ao colocar governadores contra Bolsonaro, quer dar um golpe no Governo Federal.


 

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.