PF faz buscas em endereço ligado a Aloysio Nunes, ex-aliado de Carlos Marighella

Amanda Nunes Brückner | 19/02/2019 | 9:42 AM | BRASIL
Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

A Polícia Federal (PF) prendeu ‘novamente’ Paulo Preto (Paulo Vieira de Souza), ex-diretor da Dersa e operador do PSDB.

Policiais fizeram buscas em 12 endereços no estado de SP, um deles ligado ao ex-ministro das Relações Exteriores e ex-senador Aloysio Nunes Ferreira (PSDB).

A 60ª fase da Operação Lava-Jato investiga um esquema de pagamento de R$ 130 milhões de propina pela Odebrecht a políticos.


Curiosidades

(1) Em 2018, o ministro Gilmar Mendes chegou a emitir dois Habeas Corpus num mesmo mês para livrar Paulo Preto da cadeia.

(2) Aloysio Nunes fez parte do grupo Ação Libertadora Nacional, comandado pelo ex-guerilheiro Carlos Marighella. A ALN foi a maior organização guerrilheira de combate à ‘suposta’ ditadura ocorrida no Brasil. Marighella foi fuzilado em 1969 … Aloysio Nunes continuou sua carreira política.


 

compartilhe esse post:
Follow by Email
Facebook
Google+
Twitter
Instagram
Whatsapp
Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.