Projeto de Aécio impõe pena para quem se negar a tomar vacina: “Não poderá receber salário ***, obter empréstimos, tirar passaporte …”

Patrícia Moraes Carvalho | 08/12/2020 | 8:28 AM | POLÍTICA
Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

É o PSDB impondo a NOM … (FHC, Dória, Aécio, etc…)

Em meio ao debate (inútil) sobre a obrigatoriedade da aplicação da vacina contra o vírus chinês, eis que um político famoso se levanta das catacumbas de Brasília.

Aécio Neves decidiu reaparecer no cenário político e jogou mais gasolina na fogueira.

O deputado apresentou um projeto para punir quem se recusar a ser vacinado.

Dispõe sobre penalidades aplicáveis a quem se recuse a ser vacinado contra o vírus COVID 19

De acordo com o documento, quem recusar a vacina não poderá: (fonte: Artigo 7º parágrafo 1º incisos I a VII Cód.Eleitoral)

Ementa

        I – inscrever-se em concurso ou prova para cargo ou função pública, investir-se ou empossar-se neles;

        II – *** receber vencimentos, remuneração, salário ou proventos de função ou emprego público ***, autárquico ou para estatal, bem como fundações governamentais, empresas, institutos e sociedades de qualquer natureza, mantidas ou subvencionadas pelo governo ou que exerçam serviço público delegado, correspondentes ao segundo mês subsequente ao da eleição;

        III – participar de concorrência pública ou administrativa da União, dos Estados, dos Territórios, do Distrito Federal ou dos Municípios, ou das respectivas autarquias;

        IV – obter empréstimos nas autarquias, sociedades de economia mista, caixas econômicas federais ou estaduais, nos institutos e caixas de previdência social, bem como em qualquer estabelecimento de crédito mantido pelo governo, ou de cuja administração este participe, e com essas entidades celebrar contratos;      

        V – obter passaporte ou carteira de identidade;

        VI – renovar matrícula em estabelecimento de ensino oficial ou fiscalizado pelo governo;

        VII – praticar qualquer ato para o qual se exija quitação do serviço militar ou imposto de renda.

“Desnecessário dizer da importância do combate à pandemia Covid-19 por meio de vacinação … Se é direito do cidadão negar-se a fazer algo que não esteja devidamente previsto em lei, é dever do Estado assegurar o direito de todos à saúde ”, justifica Aécio.



link do projeto de Aécio no portal da Câmara

link2 do projeto de Aécio no portal da Câmara

 


 

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.