Segunda Turma do STF começa a desmontar a Lava-Jato

24/04/2018

A 2ª Turma do STF decidiu enviar para a Justiça Federal de São Paulo os termos da colaboração premiada da Odebrecht sobre repasses de propina para a reforma do sítio de Atibaia.

Edson Fachin e Celso de Mello votaram pela manutenção dos termos da delação com Sérgio Moro.

Toffoli, Lewandowski e Gilmar disseram que a delação não tem relação com a Lava Jato.

Sobre a reforma no sítio de Atibaia, a 2ª Turma também poderá tirar a delação das mãos de Moro.

Aos poucos, os ministros com ‘tendências petistas’ vão desmontando a Lava-Jato.

Mas não adianta o PT comemorar, porque somente os termos de delação da Odebrecht é que irão para SP […] a ação penal continua com Sérgio Moro.