Sem foro privilegiado, ex-senador que falou em ‘estancar a sangria’ é denunciado pela Lava Jato

Patrícia Moraes Carvalho | 04/06/2019 | 6:31 PM | POLÍTICA
Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

Na manhã de hoje (04), a Força-Tarefa da Lava Jato em Curitiba acusou oficialmente o ex-senador Romero Jucá (MDB) de ter recebido de R$ 1 milhão em propinas provenientes de contratos da empresa Transpetro, subsidiária da Petrobras.

De acordo com a denúncia do MPF, Jucá recebeu pelo menos R$ 1 milhão em 2010, o que seria a soma de pagamentos ilícitos correspondentes a quatro contratos e sete aditivos celebrados entre a Galvão Engenharia e a Transpetro.

Sem a ‘benção’ do famoso foro privilegiado, Jucá corre o risco de seguir o mesmo caminho de Lula, Michel Temer, Eduardo Cunha e companhia.

abaixo um trecho da denúncia:

“Com o aprofundamento das investigações, desvelou-se a existência de um gigantesco esquema criminoso voltado para a prática de crimes contra a PETROBRAS S/A.”

“Desvelou-se que o complexo esquema de corrupção e lavagem de dinheiro relacionado não se restringiu à PETROBRAS, mas alcançou também subsidiárias integrais da companhia, dentre elas a PETROBRAS TRANSPORTES S/A – TRANSPETRO, estatal responsável pelo transporte e logística do combustível no país, além de operações de importação e exportação de petróleo e derivados.”

“Em datas não precisadas, entre 06 de janeiro de 2009 e 21 de junho de 2010, SÉRGIO MACHADO, na condição de Presidente da TRANSPETRO, e ROMERO JUCÁ, então Senador do PMDB (agremiação partidária responsável pela manutenção de SÉRGIO MACHADO no cargo), solicitaram, para si e para integrantes do partido, vantagem indevida de DARIO GALVÃO, presidente da GALVÃO ENGENHARIA, por 11 (onze) vezes, em razão de 4 (quatro) contratos e 7 (sete) aditivos de valor firmados entre a GALVÃO ENGENHARIA e a TRANSPETRO, no importe de 5% dos contratos.”


leia também:

Grampo de senador do PMDB mostra ‘pacto’ para barrar Lava-Jato: “O primeiro a ser comido vai ser o Aécio”


Fotógrafo flagra tela do whatssapp de Jucá: “O recurso vai pro teu bolso”


 

compartilhe esse post:
Follow by Email
Facebook
Google+
Twitter
Instagram
Whatsapp
Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.