Caso queira nos ajudar diretamente, através do PayPal, clique no botão abaixo

Planalto demite Secretário que sugeriu “uma chacina por semana”

Bruno Júlio, secretário nacional de Juventude do governo Temer, foi demitido ontem

Após emitir sua opinião sobre o massacre de presos no Amazonas e em Roraima, o Planalto decidiu afastar o secretário alegando que ele foi infeliz em suas declarações.

A informação ‘oficial’ (isso mesmo, entre aspas) é de que Bruno pediu demissão […] provavelmente o fez por livre e espontânea pressão.

Bruno comentou que era “filho de policial” e entendia “o sofrimento diário de todas as famílias:

“Sou filho de polícia, né? Tinha era que matar mais. Tinha que fazer uma chacina por semana. Os santinhos que estavam lá dentro, que estupraram e mataram: Coitadinhos, oh, meu Deus, não fizeram nada! Para, gente! Esse politicamente correto que está virando o Brasil está ficando muito chato.”

Será que ele merecia mesmo perder o cargo? Há controvérsias.

(*** ironia ***) Parabéns Governo Federal.

A demissão do Secretário vai melhorar a situação carcerária do país. A culpa das rebeliões é toda dele.

 

 

 

publicidade


PHP Code Snippets Powered By : XYZScripts.com