Tenente venezuelana faz apelo a Maduro: “Pare com isso. Por favor, tenho um filho de 12 anos”

23/02/2019

Após o assassinato (sob ordens de Nicolás Maduro) cometido contra duas na fronteira Venezuela/ Brasil, indígenas venezuelanos sequestraram 4 membros da Guarda Nacional Bolivariana.

Uma das sequestradas, a tenente Grecia Del Valle Roque Castillo, publicou um apelo ao ditador Maduro:

“ Primeiro quero pedir perdão à comunidade indígena … como mãe, tenho um filho de 12 anos e quero um futuro para ele … Presidente, veja o que está acontecendo, veja que não podemos fazer nada. Meu general Padrino López [ministro da Defesa], pense bem o que vai fazer, não atue com violência contra a comunidade indígena, que não está fazendo nada”.