Vereza sobre jornal O Globo: “Querem transformar o ‘quase assassino’ de Bolsonaro em vítima

08/09/2018

O ator Carlos Vereza não se furta às suas responsabilidades de cidadão, eleitor brasileiro e pessoa de bem.

Em 2016, ele chegou a declarar o seguinte:

“CUIDADO! LULA é FRIO e CALCULISTA! Uma inteligência voltada para o MAL. Lula é megalômano. Ele delira e fará de tudo para escapar da cadeia”

Pois bem … após o episódio da tentativa de homicídio contra o presidenciável Jair Bolsonaro, o ator voltou a fazer um comentário nas redes sociais.

A grande mídia brasileira (banda podre que viveu até hoje com contribuições milionárias vindas do PT) quer transformar o ‘quase assassino’ numa pessoa com ‘problemas mentais’.

O General Heleno, provável ministro da Casa Civil de Bolsonaro, chegou a declarar o seguinte:

“O autor do atentado não é um desequilibrado, é um radical de esquerda”

Veja abaixo o pronunciamento de Carlos Vereza sobre a palhaçada da imprensa:


“Lendo o Globo de hoje, sábado, deparo-me com uma página inteira dedicada à entrevista da família do quase assassino, fazendo suíte da narrativa midiática de que o “pobre rapaz” tem – coitado -, problemas mentais.

Nem uma linha sobre os 4 advogados, nem quem assumirá a dívida com os defensores da vítima da sociedade; muito menos sobre os 4 celulares, o pagamento do hotel, os dez dias de hospedagem para alguém que estava procurando emprego…

Saudades de um jornalismo investigativo.”