Viagem de deputados do PSL foi bancada pelo Partido Comunista da China

Patrícia Moraes Carvalho | 17/01/2019 | 8:25 PM | POLÍTICA
Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

Queimando o filme do presidente Jair Bolsonaro

No dia 15 de novembro de 2018, a Embaixada da China no Brasil enviou uma carta à Executiva do PSL.

“Com o objetivo de aprofundar o conhecimento mútuo, o Departamento Internacional do Comitê Central do Partido Comunista da China tem a honra de convidar uma delegação do PSL (10 membros) para visita à China. A proposta do tema da visita é intercâmbio de experiências de governança e cooperações pragmáticas entre os partidos”, diz o documento que comprova uma relação entre o PCC (Partido Comunista da China) e o PSL.

Um outro trecho da carta diz que o Partido Comunista é o financiador do tour:

“As despesas de passagem internacional, alimentação e alojamento na China serão cobertas pela parte chinesa”, esclarece.

Formalmente, o PSL recusou o convite, porém no dia 23/11/18 os deputados federais eleitos (pelo PSL) Carla Zambelli, Daniel Silveira, Tio Trutis, Felício Laterça, Bibo Nunes, Charlles Evangelista, Marcelo Freitas, Sargento Gurgel e Aline Sleutjes e a senadora eleita Soraya Thronicke  aceitaram o convite do PCC nos termos do convite original.

O deputado federal eleito Luis Miranda, do DEM, também participou da viagem.

abaixo a carta:



(fonte: Caneta.org)

 

compartilhe esse post:
Follow by Email
Facebook
Google+
Twitter
Instagram
Whatsapp
Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.